Tipos de Competência Procurados Pelas Empresas

Homem analisando outro

Entendemos o que é competência, que tipos de competência existem e qual o significado que ela tem para o empregador.

O que é competência

Competência é a capacidade de realizar qualitativamente um ou outro tipo de trabalho. Observe que competência e competência não são a mesma coisa. Competência é a capacidade de resolver determinadas tarefas profissionais; competência é o nível de qualidade do desempenho de uma tarefa específica.

Tipos de Competência

As competências são divididas em vários tipos e subespécies. Primeiro, lidaremos com a competência profissional, ou seja, a capacidade de desempenhar nossas tarefas de maneira de qualidade. Pode ser dividido em 6 tipos:

  1. Competência individual refere-se ao próprio conhecimento, habilidades e relacionamentos (comportamento) de uma pessoa, que contribuem para aumentar a eficiência de seu trabalho, bem como as relações com outras pessoas.
    Competência de negócios refere-se ao conhecimento e habilidades necessárias em um negócio ou setor específico.
  2. Competência de gerenciamento refere-se a um conjunto de habilidades que se aplicam apenas a posições ou funções de liderança e gerenciamento que geralmente são orientadas a tarefas.
  3. Competência de liderança refere-se às habilidades necessárias para funções de liderança, como líder de equipe. Essas habilidades tornam uma pessoa eficaz como líder de grupo.
  4. A competência funcional é específica para um trabalho específico. Por exemplo, um programador deve ter conhecimentos e habilidades específicos quando se trata de várias linguagens de programação, como Java, Python e C ++.
  5. As competências essenciais estão relacionadas às habilidades gerais específicas da organização. É assim que a organização e sua equipe trabalham.

Separadamente, é possível destacar a competência comunicativa ou social – uma combinação de conhecimentos, habilidades e habilidades de comunicação com as pessoas, o que é importante não apenas no trabalho, mas também na vida de todas as pessoas. Além da competência emocional – a capacidade de estar ciente das emoções e emoções de outra pessoa, além de gerenciar essas emoções. Atualmente, é comumente chamado de termo moderno “inteligência emocional” ou EQ.

Leia mais  13 sinais de que você falhou na entrevista
Pessoas esperando para serem entrevistadas
Pessoas esperando para serem entrevistadas

Exemplos de Competência Profissional

Para entender melhor o que está em jogo, vamos considerar o que exatamente se entende por tipos de competência profissional.

Competência individual

  • Resolução de problemas
  • Tomada de decisão 
  • Comunicação 
  • Humor
  • Eficácia

Competência de negócios

  • Atendimento ao cliente
  • Ética no trabalho 
  • Responsabilização 
  • Comunicação

Competência gerencial

  • Construção de relacionamento
  • Orientação para Resultados
  • Resistência ao estresse

Competência de liderança

  • Influência 
  • Engenhosidade
  • Persuasão

Competência funcional

  • Relatórios 
  • Análise de dados
  • Profundo conhecimento da indústria

Competência principal

  • Relatórios
  • Inteligência emocional alta
  • Habilidades de comunicação

Observe que, dependendo da posição e da empresa, muitas competências podem diferir, mas para o cumprimento bem-sucedido de suas funções, a competência em todas as áreas é simplesmente obrigatória.

Por que os empregadores precisam de um entendimento de competência

Os empregadores modernos tendem a considerar a competência como uma ferramenta importante para:

  • Medindo o potencial desempenho futuro do candidato
  • Análise das habilidades, potencial e produtividade dos funcionários

O conceito de “competência” é usado no processo de contratação, na avaliação de cargos, no planejamento de sucesso e muito mais. É a chave para ajudar a empresa a recrutar as pessoas certas e avaliar efetivamente sua capacidade de ocupar uma posição específica.

Tradicionalmente, as empresas se concentram apenas no conhecimento e nas habilidades, acreditando que o comportamento pode ser estudado ou alterado por meio de um gerenciamento eficaz. No entanto, nos últimos anos, muito mais atenção foi dada às habilidades sociais – isto é, às habilidades de comunicação e interação com os colegas. Muitas organizações definem um conjunto de competências comuns necessárias em todos ou grupos individuais de seus funcionários. Essas são as qualidades e comportamentos pessoais necessários no local de trabalho.

Homem pensativo
Homem pensativo

A seleção de especialistas e gerentes é um dos investimentos mais significativos e dispendiosos que uma organização pode fazer. Os riscos podem ser altos e o custo de uma má contratação pode ter um enorme impacto no tempo, dinheiro e cultura de uma empresa. Uma abordagem competente para a seleção e seleção de especialistas e gerentes pode ajudar sua organização a torná-la um investimento eficaz e bem-sucedido de tempo, dinheiro e experiência.

Leia mais  5 habilidades do futuro que todo jovem precisa

Essa abordagem ajudará a garantir o seguinte:

  • A organização define claramente as competências e habilidades necessárias para o trabalho.
  • Os processos de seleção contribuem para um bom ajuste entre as pessoas e seu trabalho.
  • Gerentes e funcionários possuem as habilidades necessárias e são competentes no desempenho de suas funções.
  • A competência individual atende aos requisitos da posição, a correspondência da personalidade com a composição direta da equipe, a relevância cultural geral e a tarefa específica.

Níveis de competência

A competência difere não apenas por espécie, mas também por nível. O nível de competência é o quão bem uma pessoa conhece seu trabalho. Abaixo estão exemplos da correspondência de certas características e qualidades com diferentes níveis de competência.

NívelManifestação
Maestria– Ele sempre pode estabelecer um diálogo com um amigo e um funcionário desconhecido

– Ele sempre pode argumentar sua opinião, mostrar os benefícios de sua própria proposta ou idéia

– Ele sempre pode explicar de maneira fácil e fácil até a idéia mais complexa

– Ele sempre pode concordar com a cooperação

– Ele sempre pode expressar sua opinião de forma positiva e construtiva e, ao mesmo tempo, não estraga as relações com outras pessoas

– Garante sempre que as palavras não divergam das ações (tanto suas quanto das outras)

– Pode interagir construtivamente com diferentes pessoas e, ao mesmo tempo, sempre atingem os objetivos estabelecidos na comunicação
Experiência– Muitas vezes, pode estabelecer um diálogo com um amigo e funcionário desconhecido

– Muitas vezes, pode argumentar sua opinião, mostrar os benefícios de sua própria proposta ou idéia, se interessar a interesses pessoais

– Ele tenta explicar idéias complexas com facilidade e facilidade, geralmente

funciona bem – muitas vezes pode concordar em cooperação

– Muitas vezes pode expressar sua opinião de forma construtiva de maneira positiva e, ao mesmo tempo, não estragar as relações com outras pessoas

– ele tenta manter suas próprias palavras longe da ação, muitas vezes acontece

– talvez interagir com pessoas diferentes, muitas vezes alcança objetivos em comunicação
Requer desenvolvimento– Pode muitas vezes estabelecer um diálogo com conhecidos, raramente com funcionários desconhecidos

– Às vezes, pode argumentar sua opinião se interessar a interesses pessoais

– Muitas vezes, é difícil explicar idéias complexas

– Às vezes, pode-se concordar com a cooperação, mas com grandes dificuldades

– Nem sempre pode ser construtivamente positivo maneira de expressar sua opinião e não estragar as relações com os outros

– muitas vezes suas próprias palavras com ações

– Raramente pode interagir com pessoas diferentes e alcançar o nosso fins de comunicação
Incompetência– Constrói mal o diálogo com conhecidos, não consegue dialogar com funcionários desconhecidos

– Não consegue

explicar sua opinião – Não consegue explicar idéias complexas em linguagem simples

– Muito raramente pode concordar com cooperação

– Não consegue expressar sua opinião de forma construtiva de maneira positiva e, ao mesmo tempo, não estragar as relações com outras pessoas

– as próprias palavras divergem das ações

– não podem interagir com pessoas diferentes e alcançar as metas estabelecidas na comunicação.
Leia mais  Como se destacar em uma entrevista de emprego

Conclusão

Competência é a qualidade ou comportamento pessoal de um funcionário que leva a um trabalho eficiente e de qualidade. Competência é um conjunto de responsabilidades que um funcionário deve cumprir dentro da estrutura de sua posição. Saber quais competências são exigidas pela organização pode ajudar na tomada de decisões em relação ao recrutamento, remuneração, promoção e desenvolvimento pessoal dos funcionários. 

Compreender a competência é especialmente útil para avaliar os requisitos gerenciais ou de trabalho quando os empregadores precisam medir o comportamento ou a capacidade de trabalhar com eles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *